Plano UNIMED: 100 primeiras adesões terão isenção de carência e premiações

Banner_Plano_de_Saude

Após um grande empenho e intensa negociação, o SINDILEGIS-ES fechou um convênio com a UNIMED e está oferecendo uma grande oportunidade para os servidores da Assembleia Legislativa e Tribunal de Contas terem um plano de saúde de qualidade com valores bem atrativos.

A parceria consiste na acessibilidade ao plano de saúde UNIMED, que está cada vez mais restrito aos grupos parceiros, com valores diferenciados em relação aos praticados no mercado – cerca de 50% mais atrativos em comparação com a tabela oferecida pela ARSAL.

Mas atenção! Esse é um benefício exclusivo para os servidores sindicalizados e seus dependentes. Portanto, se você ainda não faz parte do grupo de associados do SINDILEGIS, venha correndo se sindicalizar. É só preencher e enviar a ficha de sindicalização online, ou solicitar a ficha impressa a um dos diretores do Sindicato.

O contrato só entrará em vigor a partir do momento em que alcançar no mínimo 100 servidores. E para estimular as adesões, a UNIMED está oferecendo  vantagens e premiações para os 100 primeiros que contratarem o plano, como isenção de carência (exceto em caso de parto e/ou doenças pré-existentes; adicional de seguro de vida (cobertura por morte: R$ 10 mil, invalidez por acidente: R$ 10 mil); sorteios mensais de R$ 20 mil (pela Loteria Federal).

Confira todos os detalhes na Tabela da Unimed.

Logos Unimed-Sindilegis

Terão direito ao benefício:

  • Servidores da Assembleia Legislativa
  • Servidores do Tribunal de Contas
  • Respectivos dependentes (cônjuges, filhos, enteados e netos – até 18 anos)

Outras informações e esclarecimentos podem obtidos pelos telefones 99858-9371, 99688-6482, 99971-7083.

Compartilhar
Esta entrada foi publicada em Noticias, Plano de Saúde, Plano de saúde, Sindicalize-se, Sindicalize-se, Unimed, Unimed. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Uma resposta para Plano UNIMED: 100 primeiras adesões terão isenção de carência e premiações

  1. Saturnino Faustino disse:

    Nós, servidores inativos, só somos úteis para o Sindicato arrecadar.
    Continuamos à margem dos benefícios conquistados pela entidade que se diz representativa; em suma, somos considerados como “bobos da corte”; a nossa contribuição serve para alegria da entidade, nada mais. Até quando?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *